Como começar criar conteúdos.

Atualizado: Mar 25



Para começar, o que é marketing de conteúdo?


O marketing de conteúdo é um processo estratégico de marketing e negócios focado na criação e distribuição de conteúdos para seu público, esses conteúdos devem ser relevantes e consistentes para atrair e reter audiência e por fim, o conteúdo deve impulsionar as pessoas a alguma ação favorável a sua estratégia de negócios.


O marketing de conteúdo é o agente principal do relacionamento que você vai ter com seu público, lhe dando autoridade e passando confiança, e quando a sua audiência confia em você, eles estão mais dispostos a fazer negócios. O objetivo é deixá-los prontos para tomada de decisão.


Portanto, para se comunicar com seu público, você precisa produzir conteúdo. O conteúdo tem a importante função de conduzir as pessoas de uma etapa para outra no processo de conversão.


Quais as reações o Conteúdo deve gerar no seu Público


  • Atrair pessoas para seu objetivo

Isso quer dizer que através do seu conteúdo você deve tirar sua audiência de um ponto e conduzir a outro, dentro dos seus objetivos previamente traçados.


  • Engajar as pessoas

Fazer com que as pessoas interajam com seu conteúdo, através de comentários, curtidas, compartilhamento, isso dará um grande valor ao seu conteúdo.


  • Nutrir as pessoas de informações

Um Conteúdo se torna relevante quando ele passa para a audiência informações, sendo ela alguma nova noticia, ou alguma nova ferramenta de mercado, ou até mesmo alguma dica.


  • Encantar as pessoas

Criar experiência para o publico conectando conteúdos relevantes por toda a jornada de compra em diferentes canais e tipo de conteúdos diferentes.


  • Transformar clientes em promotores

Engajar com clientes da marca com o intuito de transformá-los em promotores, servindo como prova social para novos clientes.


  • Educar

Quem vai a internet pesquisar algo passa por 5 níveis de consciência para converter a uma compra e cabe ao gestor de conteúdo criar conteúdos para conseguir levar o cliente por todos os níveis.


• Nível 5: Tem um problema, mas não sabe.

• Nível 4: Sabe do problema, mas não sabe da solução.

• Nível 3: Sabe da solução, mas não sabe que você resolve.

• Nível 2: Sabe que você vende, mas tem objeções.

• Nível 1: Confia em você, precisa apenas de um empurrãozinho pra converter.



A partir daí, você como gestor de conteúdos pode nutrir seus canais de comunicação com tópicos e sub tópicos, criando vídeos, post em redes sociais, storys, infográficos, e-books, etc.




O poder de contar histórias.


“As pessoas gostam de uma boa história”


As histórias são uma ótima forma para se comunicar e se relacionar. As histórias geram estímulos e passa confiança e segurança, as pessoas se sentem melhores ouvindo história, pois estimula nossa memória afetiva, além disso, as histórias ficam na memória de quem a escuta.

Para contar histórias de negócios é semelhante. Trata-se de criar um elo entre seu negócio e seu público.

Mas para contar a história da sua marca, você tem que ter como objetivo, fazer uma conexão mais humanizada, ou seja, repercutir seus valores sua missão a cultura da sua empresa.


Tente sempre transmitir.


Por que você está fazendo esse trabalho?

Como isso vai ajudar seu público? (Transmita valor)

O que você está oferecendo?


Abaixo estão as etapas da jornada do comprador


Aprendizagem (Descoberta)

Reconhecimento

Consideração da Solução

Decisão de Compra


Como construir uma estrutura de criação de conteúdo


6 passos para construir uma estrutura de criação de conteúdo:


1. Conceituar o conteúdo.


Crie um conceito alinhado com seus valores, missão e objetivo, ou seja, qual a mensagem que você quer passar, qual o objetivo dos seus conteúdos e principalmente qual valor você vai entregar a quem está consumindo seus conteúdos.


2. Definir quais serão os conteúdos e canais.


Defina seu público alvo, em qual estágio de compra ele está, entenda em quais canais eles estão e principalmente quais formatos de conteúdo eles preferem consumir de acordo com o estágio de compra, é possível que quem esteja no estágio de consideração de compra prefira consumir um conteúdo mais denso a quem está no estágio de aprendizagem e descoberta.


3. Planejamento de um Calendário


Faça um planejamento antecipado de um calendário de postagem, isso é fundamental para ajudar em idéias de temas e na organização Conteúdos, tendo como ponto importate a coesão entre os conteúdos para atingir os objetivos.




4. Criação de um fluxo de trabalho


Usando como referência o calendário de publicação você trabalha um cronograma de execução das etapas dos Conteúdos evitando atrasos e ajudando a manter o foco nos objetivos pré estabelecidos.


5. Edição e Revisão de conteúdo


É uma etapa fundamental, pois aqui será revisado o conteúdo desde a linha editorial, para ver se está alinhado com o conceito da empresa, se o conteúdo está dentro de parâmetros legais e éticos para postagem, e também será revisado para evitar possíveis erros de escrita e informações.


6. Organização de conteúdo


Tenha tudo organizado sobre seus conteúdos, use planilhas, aplicativo com o trello além do calendário organize os tipos de conteúdos, a jornada de compra que ele quer atingir, qual canal foi publicado, quais os resultados que teve, isso é fundamental para sua estratégia.


Agora que temos algumas informações para organizar nossa rotina de criação de conteúdo mãos.


Leia Também.


12 visualizações0 comentário